Sábado, 16 de Maio de 2009

So porque sim... :)

O futuro é impossivel prever…

É possivel programar mas mesmo assim pode sair tudo furado, mesmo que cumpramos as metas a que nos propomos…
 
Eu sou a prova disso… Quando mais certa estava do rumo que a minha vida iria levar, tiraram-me o tapete dos pés e dei um grande trambolhao. A queda foi grande, magoou imenso, mas as feridas sararam… e eu aprendi a liçao…
 
Hoje vinha estava meio sonolenta, a ouvir a musica « ,com o volume quase no maximo (sou uma gaja que curte sozinha ;) ) e a fazer o que costumo fazer… pensar na minha vida, na dos outros, apreciar cada pequena coisa a minha volta… Hoje era o céu que estava incrivelmente bonito aquela hora… e senti naquele momento, que se morresse ali, morreria feliz… Ha um ano e qualquer coisa a minha vida era outra, mas o que vivi neste ultimo ano foi o suficiente para dizer que eu sou feliz… e tudo isso porque me puxaram o tapete, e a velha Sara acordou e saltou da redoma de vidro que a tapava…
 
Eu sinto-me uma das pessoas com mais sorte neste mundo…
 
E a quem me puxou o tapete… o meu obrigado… porque hoje sou eu mesma, e sou feliz … hoje sou a Sara… e hoje conheço pessoas que jamais conheceria se nao tivesse caido. Neste ultimo ano vivi coisas que nao viveria se nao tivesse batido com a cabeça… Por tudo o que sou hoje, obrigado a quem me puxou o tapete, porque nao imagina o quanto mudou a minha vida para melhor…
 

Sara

A Sara sente-se: Bem
Ao som de : By the Way dos Hinder